Revelações

O que leva mulheres casadas a procurarem outros homens?

Encontro sexual 321763

Artigo revisado pelo Comitê de MundoPsicologos. Mas o que as amantes teriam em comum? Quais suas motivações? Ser amante implica levar uma vida complexa, bem como ter um futuro incerto. Os triângulos amorosos mais comuns costumam se conformar entre um homem casado e uma mulher solteira. Isso quando a verdade é dita logo de cara. E aí começa o sofrimento.

Sou casada e me apaixonei por outro: tomar uma decisão

No entanto, algumas mulheres só procuram homens casados e comprometidos. Um estudo publicado no Jornal de Psicologia Social Experimental também comprovou a existência dessa tendência. Confira outras três justificativas para esse comportamento:. Muitas vezes têm histórico de relacionamentos abusivos, em que eram maltratadas, e como mecanismo de defesa buscam relações sem compromisso e fadadas ao fracasso para evitarem se machucarem recente. Vício em sexo Envolver-se com homens casados é algo que mulheres viciadas em sexo normalmente querem parar de fazer, porém isso é quase insuportável sem a ajuda de um terapeuta. Porém, esse comportamento geralmente é um reflexo do medo de abandono ou de compromisso. Conheça os produtos Terra. Capa Vida e Estilo Mulher Conduta.

Notícias relacionadas

Porém, havia um problema: era frustrada no sexo. Eu e meu marido somos pais de dois filhos. Ele é um marido companheiro e presente. Eu sempre tive fetiche em transar com outras pessoas ao mesmo tempo - principalmente com dois homens. Quando contei ao meu marido, porém, ouvi que isso era coisa de gente promíscua e fiquei frustrada. Lembrei de um ex-namorado da adolescência e achei que ele poderia ser a pessoa certa para realizar minha fantasia.

Encontro sexual garotas casadas 231719

Sou casada e me apaixonei por outro: conselhos básicos

Separamos por dois meses e voltamos. Mas em eu me vi envolvida com outro homem, um caso que durou um ano. Eu fiz isso para testar se queria ficar mesmo naquele casamento e descobri que sim. Tentei conversar, mas nada deu jeito. Eu era bem nova, tinha 18 anos. Tinha um trabalho de meio período que pagava bem pouco e, apesar das dívidas, estava satisfeita. Aquilo começou a me incomodar, porque eu estava em uma fase de planejar o meu futuro.

Leave a Reply

Your email address will not be published.